Livro completo "Chegou a Hora"

segunda-feira, 21 de setembro de 2009

Deus Sempre Avisa




“Certamente o Senhor Deus não fará coisa alguma, sem primeiro revelar o seu segredo aos seus servos, os profetas.” (Amós 3:7)

Tenho notado, ao estudar a Bíblia, que Deus sempre agiu desta forma. Sempre que ia fazer alguma coisa Ele avisava antes. Sempre avisou ao homem antes de fazer algo.
Na versão da Bíblia na Linguagem de Hoje este verso está transcrito:
“Por acaso, o Senhor Deus faz alguma coisa sem revelar aos seus servos, os profetas?” (Amós 3:7)




O Que é “Coisa Alguma”?


Poderíamos parafrasear este verso assim:
“Com certeza o Senhor Deus não farÁ nada, sem antes revelar o seu segredo aos seus servos, os profetas.” (Amós 3:7)
Tudo o que Deus faz, ele avisa antes. Em minha Bíblia, sempre anoto quando Deus avisou a um povo ou a uma pessoa, e sempre percebo o cumprimento maravilhoso do que Ele anunciou previamente. Só para citar alguns: O Dilúvio já havia sido anunciado à Enoque e posteriormente a Noé. Quando foi para destruir Sodoma, Deus pessoalmente enviou seus mensageiros a Abraão e a Ló. O povo de Israel teve inúmeros avisos em todos os tempos.


“Deus sempre tem dado aos homens advertência dos juízos por vir. Aqueles que tiveram fé na mensagem por Ele enviada para seu tempo, e agiram segundo sua fé, em obediência aos Seus mandamentos, escaparam aos juízos que caíram sobre os desobedientes e incrédulos.” - O Desejado de Todas as Nações, pág. 634.


Percebeu que Ellen G. White diz que Deus sempre tem dado as informações aos homens?
Algumas pessoas dizem que ao procurarmos responder as perguntas que coloquei à pouco, estaremos de certa forma tentando a Deus, e para isso citam Deuteronômio 29:29: “As coisas encobertas pertencem ao Senhor, nosso Deus, porém as reveladas nos pertencem, a nós e a nossos filhos, para sempre, para que cumpramos todas as palavras desta lei.”
Mas vamos examinar mais de perto este verso: “As coisas encobertas pertencem ao Senhor, nosso Deus, porém as reveladas nos pertencem, a nós e a nossos filhos, para sempre...” (Deuteronômio 29:29)
E se as reveladas nos pertencem, podemos e devemos estudá-las e compreendê-las.
O problema é que alguns não conseguem e outros não as querem entender.
Ellen G. White falando sobre a primeira vinda de Cristo menciona:


“No tempo do primeiro advento de Cristo, os sacerdotes e escribas da santa cidade, a quem foram confiados os oráculos de Deus, poderiam ter discernido os sinais dos tempos e proclamado a vinda do Prometido. A profecia de Miquéias designou o lugar de Seu nascimento (Miq. 5:2); Daniel especificou o tempo em que viria (Dan. 9:25). Deus confiou estas profecias aos dirigentes judeus; estariam sem desculpas se não soubessem nem declarassem ao povo que a vinda do Messias estava às portas. Sua ignorância era o resultado da pecaminosa negligência.”
“Com profundo e reverente interesse deveriam encontrar-se a estudar o lugar, o tempo, as circunstâncias do grande acontecimento na história universal - a vinda do Filho de Deus para cumprir a redenção do homem.
Todo o povo deveria ter estado a vigiar e esperar para que pudessem achar-se entre os primeiros a dar as boas-vindas ao Redentor do mundo.”
- O Grande Conflito, pág. 312.


Infelizmente, poucos estavam esperando a primeira vinda de Jesus e apenas alguns identificaram o Salvador do Mundo.
O segredo da primeira vinda de Cristo foi revelado àqueles que se interessaram.


"O Senhor Jeová não fará coisa alguma, sem ter revelado o Seu segredo aos Seus servos, os profetas." Ao passo que "as coisas encobertas são para o Senhor nosso Deus" (Amós 3:7), "as reveladas são para nós e para nossos filhos para sempre". Deut. 29:29. Deus nos tem dado essas coisas, e Sua bênção acompanhará o estudo reverente das escrituras proféticas, apoiado de oração.” - O Desejado de Todas as Nações, pág. 235.


E realmente os segredos divinos são revelados quando Deus acha que é o momento oportuno. De fato, nem mesmo Daniel compreendeu algumas das profecias de seu livro, pois elas não foram dadas para sua época, mas para serem entendidas apenas no tempo do fim e apenas por certas pessoas.
Nem todos compreenderão os “segredos divinos”. Note o que Deus ordenou ao profeta Daniel:
“Tu porém, Daniel, encerra as palavras e sela o livro, até o tempo do fim...” (Daniel 12:4)
O livro de Daniel deveria ser aberto e conhecido apenas no tempo do fim.
E quando é este tempo do fim? Seria agora em nossos dias?
Estas são perguntas que podem estar soando em seus ouvidos e clamam por uma resposta.
Mas nem todas as pessoas entenderiam e nem todas entenderão:
“...porque estas palavras estão encerradas e seladas até ao tempo do fim. Muitos serão purificados, embranquecidos e provados; mas os perversos procederão perversamente, e nenhum deles entenderá, mas os sábios entenderão.” (Daniel 12:9 up e 10)
Vocês perceberam que os perversos não entenderão? Mas os sábios entenderão. Entenderão o quê?
Os segredos de Deus contidos nas profecias seladas do livro de Daniel e em muitas outras partes da Bíblia.
“...os perversos... nenhum deles entenderá, mas os sábios entenderão.” (Daniel 12:10)
Seria possível entender e conhecer os segredos divinos?


“Em épocas passadas, o Senhor Deus do Céu revelou Seus segredos a Seus profetas, e isso Ele o faz ainda. O presente e o futuro são igualmente claros para Ele, e Deus mostra a Seus servos a história futura daquilo que será.
Os incrédulos e ímpios não discernem os sinais dos tempos.
Assim como no período judaico, Deus neste tempo revela Seus segredos aos Seus servos, os profetas.”
- Cristo Triunfante, pág. 327.


Falando sobre o fato de poucos estarem esperando a Cristo em sua primeira vinda o livro O Grande Conflito adverte:


“Oh! que lição encerra a maravilhosa história de Belém! Quanto ela reprova a nossa incredulidade, nosso orgulho e amor-próprio! Quanto nos adverte a nos precavermos para que não aconteça que pela nossa criminosa indiferença deixemos também de discernir os sinais dos tempos e, portanto, não conheçamos o dia de nossa visitação!”
“É para os que O esperam que Cristo deve aparecer a segunda vez, sem pecado, para a salvação.”
- Grande Conflito, pág. 314.


Em outro texto aparece a palavra mistério:
“Respondeu ele (Jesus): A vós é dado conhecer os mistérios do reino de Deus; mas aos outros se fala por parábolas; para que vendo, não vejam, e ouvindo, não entendam.” (Lucas 8:10)
Lêmbram-se do texto de Daniel?
“...os perversos... nenhum deles entenderá, mas os sábios entenderão.” (Daniel 12:10)
Se os sábios entenderão os segredos e os mistérios... como se tornar sábio? Ou melhor, quem são os sábios?
A Bíblia tem a resposta. Aliás, a Bíblia tem respostas para todos os nossos anseios e necessidades.
“Portanto, vede diligentemente como andais, não como néscios, mas como sábios, usando bem cada oportunidade, porquanto os dias são maus. Por isso, não sejais insensatos, mas entendei qual seja a vontade do Senhor. E não vos embriagueis com o vinho, no qual há devassidão, mas enchei-vos do Espírito, falando entre vós em salmos, hinos e cânticos espirituais, cantando e salmodiando ao Senhor no vosso coração, sempre dando graças por tudo a Deus, o Pai, em nome de nosso Senhor Jesus Cristo, sujeitando-vos uns aos outros no temor de Cristo.” (Efésios 5:15 a 21)
Nestes versos temos uma boa descrição de como agem os sábios:
- Usam bem cada oportunidade.
- Entendem qual é a vontade do Senhor.
- Não andam embriagados (não possuem vícios).
- São cheios do Espírito Santo.
- Falam continuamente das coisas de Deus.
- Sempre possuem um hino no coração.
- Estão sempre agradecidos a Deus.
- E são servos, como Jesus foi quando viveu aqui na Terra.
“Tu, porém, permanece naquilo que aprendeste, e de que foste inteirado, sabendo de quem o tens aprendido, e que desde a infância sabes as sagradas letras, que podem fazer-te sábio para a salvação, pela que há em Cristo Jesus.” (II Timóteo 3:14 e 15)
Uma das maneiras de adquirir sabedoria é estudar as Sagradas Escrituras.
Mas voltemos às perguntas “sem respostas”. Será possível respondê-las? Será que existe alguma revelação de Deus sobre estes e outros assuntos?
Devemos iniciar nosso estudo pelas profecias bíblicas, visto que para muitos elas são um mistério. Alguns chegam a chamar o livro de Daniel e Apocalipse como livros fechados, o que não é verdade pois o livro de Daniel nos informa que “os sábios entenderão.” (Daniel 12:10) E o livro do Apocalipse inicia com as palavras “Revelação de Jesus Cristo...” (Apocalipse 1:1)
Estes dois livros são muito importantes para nos ajudar a responder muitas daquelas perguntas. E se os segredos e mistérios de Deus foram revelados aos profetas, é exatamente aí que devemos procurar.
“Com certeza o Senhor Deus não fará nada sem antes revelar o seu segredo aos seus servos, os profetas.” (Amós 3:7)
“Crede no Senhor vosso Deus, e estareis seguros; crede nos seus profetas e prosperareis.” (II Crônicas 20:20 u.p.)
CRER EM DEUS traz segurança. E não é isto que todos nós buscamos atualmente? Segurança no trabalho, no casamento, na vida, na cidade onde moramos...
CRER NOS PROFETAS DE DEUS traz prosperidade. Muitos estão correndo em busca de prosperidade e não a alcançam, e o segredo está aqui.
“Bem-aventurados aqueles que lêem e aqueles que ouvem as palavras da profecia e guardam as coisas nelas escritas, pois o tempo está próximo.” (Apocalipse 1:3)
Note que AQUI ESTÁ O SEGREDO DA FELICIDADE: LER, OUVIR E GUARDAR.
“Temos, assim, tanto mais confirmada a palavra profética, e fazeis bem em atendê-la, como a uma candeia que brilha em lugar tenebroso, até que o dia clareie e a estrela da alva nasça em vosso coração.” (I Pedro 1:19)
ATENDER A PROFECIA significa viver na luz. Significa conhecer e perceber que muitas coisas que estão ocorrendo hoje já haviam sido antecipadas por Deus aos seus servos os profetas. E quando Deus avisa que algo vai acontecer pode se preparar pois acontece mesmo. Porque Deus não advinha, ELE SABE.
"A Bíblia está repleta de profecias -- tanto já realizadas, como ainda por realizar. A Bíblia nunca errou no passado, e não errará no futuro. Isto sustenta a sua inspiração por Deus (2 Tm 3:16). Desde que Deus é o criador de todas as coisas (Is 44:24), então Ele é também o criador do tempo. Tudo está debaixo do Seu controle. Somente Deus, então, sabe ao certo o que acontecerá no futuro (nosso futuro).
Profecias cumpridas são uma forte evidência de que Deus é o autor da Bíblia porque, quando você olha a probabilidade matemática de uma profecia ser totalmente cumprida, você rapidamente vê um projeto, um propósito e uma mão guiando os fatos por trás da Bíblia. Se somente uma profecia houvesse falhado, então nós saberíamos que Deus não é verdadeiramente Deus, porque o criador de todas as coisas, inclusive do tempo, não poderia errar em predizer o futuro." - CHRISTIAN APOLOGETICS & RESEARCH MINISTRY .
A Bíblia tem muitas profecias cumpridas. Na verdade estas profecias foram aí colocadas e descritas para confirmar a nossa fé.
Isaías 46:9-10 diz:
"Lembrai-vos das coisas passadas da antiguidade; que eu sou Deus e não há outro, eu sou Deus, e não há outro semelhante a mim; e que desde o princípio anuncio o que há de acontecer, e desde a antiguidade as coisas que ainda não sucederam; que digo: O meu conselho permanecerá de pé, farei toda a minha vontade."