Livro completo "Chegou a Hora"

quarta-feira, 14 de outubro de 2009

Linha do Tempo - Daniel 2

Linha do Tempo 1

Sabe a que conclusão posso chegar com esta profecia?
Falta POUCO TEMPO para a VOLTA DE JESUS.
Esta profecia ATÉ AQUI SE CUMPRIU EXATAMENTE COMO DEUS DISSE.
EM QUE TEMPO ESTAMOS VIVENDO?
No período dos pés divididos em parte de ferro e parte de barro, antes da pedra ferir os pés da estátua, ou seja, pouco tempo antes da segunda vinda de Jesus.

Tentativas de Reunificação

“Quanto ao que viste do ferro misturado com barro de lodo, misturar-se-ão mediante casamento, mas não se ligarão um ao outro, assim como o ferro não se mistura com o barro.” (Daniel 2:43)
Reis e governantes tentaram manter um império universal através dos casamentos de seus filhos.
Antes da 1a Guerra Mundial a maior parte dos governantes da Europa eram aparentados. A rainha Vitória da Inglaterra era chamada “a avó da Europa”, pois quase todos os reis pertenciam à sua dinastia. Por exemplo: O rei da Espanha, o czar da Rússia, o rei da Inglaterra, o Kaiser da Alemanha, etc., todos eram parentes. Jorge V da Inglaterra, Nicolau II da Rússia, Constantino I da Grécia, o rei da Noruega e o rei da Dinamarca eram primos irmãos e netos de Cristiano IX da Dinamarca. Guilherme II da Alemanha, a rainha da Grécia, a czarina da Rússia e as rainhas da Espanha e Noruega eram netos da rainha Vitória da Inglaterra.
Nesta guerra brigaram entre si, tios, sobrinhos, avós, e o resultado foi que quase todos os reinos caíram e foram substituídos por repúblicas.
A profecia se mantém em pé: não se uniram! "Por uma parte o reino será forte, e por outra parte será frágil".
Existiram algumas outras tentativas para a reunificação, e ainda hoje com o Mercado Comum Europeu, os homens tentam em vão unir o que Deus disse que não se uniria.
Carlos Magno, Luís XIV e Napoleão Bonaparte da França; Carlos V da Espanha; Guilerme II e Adolf Hitler da Alemanha tentaram essa reunificação. Porque não o conseguiram?
Porque a profecia bíblica havia declarado: “NÃO SE LIGARÃO UM AO OUTRO”. E a história comprova.

A Parte Não Cumprida – A PEDRA

O que simboliza a Pedra? Afinal de contas, este evento está no futuro.
“Mas nos dias destes reis, o Deus do céu suscitará um reino que não será jamais destruído; este reino não passará a outro povo; esmiuçará e consumirá todos estes reinos, mas ele mesmo subsistirá para sempre.” (Daniel 2:44)
Quem é simbolizado pela pedra?
“E beberam da mesma fonte espiritual; porque bebiam de uma pedra espiritual que os seguia. E a pedra era Cristo.” (I Coríntios 10:4)
“Se desejarmos entender corretamente a visão, devemos relembrar que a pedra sobrenatural não feriu a estátua em sua cabeça de ouro (Babilônia), ou em seu peito de prata (Medo-pérsia), tampouco em seu ventre e coxas de bronze (Grécia), ou mesmo nas pernas de ferro (Roma). A Bíblia diz que ela feriu a estátua nos pés e dedos, e que seria “nos dias destes reis” que o Deus do Céu estabeleceria um reino que jamais seria destruído (Daniel 2:44).”
Uma Nova Era Segundo as Prof. de Daniel, 44.


Podemos ter certeza de que tudo se cumprirá

“Certo é o sonho, e fiel, a sua interpretação.” (Daniel 2:45 u.p.)
“Temos, assim, tanto mais confirmada a palavra profética, e fazeis bem em atendê-la, como a uma candeia que brilha em lugar tenebroso, até que o dia clareie e a estrela da alva nasça em vosso coração.” (II Pedro 1:19)
O que você acha? Se a maior parte desta profecia se cumpriu, porque não se cumpriria apenas a parte final? É uma questão de lógica. Talvez você diga: “questão de fé”. Não neste caso, pois tudo se cumpriu exatamente como Deus disse a Daniel há aproximadamente dois mil e seiscentos anos.
Se desejar um estudo mais profundo dessa e outras profecias busquem nos mais diversos livros disponíveis sobre o assunto. Uma boa sujestão é o livro “Uma Nova Era Segundo as Profecias de Daniel” de C. Mervyn Maxwell editado pela Casa Publicadora Brasileira.
Essa profecia de Daniel é uma lição introdutória para as predições mais fantásticas que virão a seguir. “Ela nos prepara para as predições ainda muito mais estupendas que virão depois . Enquanto observamos seu cumprimento nos assuntos internacionais ao longo dos séculos, nossa mente deve se abrir para compreender outras profecias ainda mais notáveis de Daniel e do Apocalipse, as quais apresentam acontecimentos muito importantes na igreja cristã; e assim nos preparamos para aceitar também um outro grupo de predições acerca das coisas maravilhosas que Jesus está realizando em nosso favor neste exato momento. Este arranjo das profecias em ordem – do simples para o complexo, e do geral para o particular – constitui mais uma evidência de quanto Deus se interessa por nós.” Uma Nova Era Segundo as Profecias de Daniel, 39.
Deus arranjou as profecias de forma a ir do mais simples para o mais complexo. (Você notará isto ao estudar o livro de Daniel.)
No próximo capítulo vamos estudar a visão de Daniel 7, ela é ainda mais essencial à compreensão de Daniel e Apocalipse, do que Daniel 2. Uma Nova era Segundo as Profecias de Daniel, 107.
Mantenha em mente a seqüência dos impérios mundiais do passado, isto vai ajudá-lo na compreensão das demais profecias de tempo.